terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

15 dias...

E hoje faz 15 dias que perdi o meu feijãozinho.
A dor continua, mas atenua e cada vez vai atenuando mais com o tempo. Conforme toda a gente diz.
Uma vez li no livro "Os Anjos não comem chocolate"  que fala sobre a morte de filhos, uma das mães dizia que a morte de um filho é como uma doença, umas vezes andamos melhores outras piores, mas nunca ficamos curadas.
Nunca hei-de esquecer...
 Vais ser sempre o meu anjinho que vai estar no céu a olhar por nós.


3 comentários:

manue disse...

olá, costumo ler-te mas é difícil comentar porque tens a verificação automática ligada (aquilo das letras esquisitas para provarmos qué não somos um robo), tens de tirar.
Muita força, muita coragem. És forte, vê-se nas tuas palavras.

Ana e Kiko disse...

Obrigada, não percebo muito disso, mas vou tentar :)

Beh ♥ disse...

É um momento muito muito difícil, mas a paz há-de vir visitar-te novamente!

Muita força minha querida, sabes que estarei sempre aqui para te apoiar :)